Manifesto do Novo Eleitor

⇒  Este é o texto base do manifesto. Você pode sugerir alterações e para isso basta enviá-las por aqui.

⇒  Precisamos também de um bom marketing para que o publiquemos nas redes. Se você se interessar, entre em contato.


Manifesto do Novo Eleitor

⊕  O que é

O Projeto Novo Eleitor tem como objetivo elucidar da melhor forma possível a necessidade da renovação política pelo voto consciente, apresentando informações de forma idônea e isenta, sobre o passado de políticos e partidos, e dos possíveis novos candidatos, de modo que não renovemos este antigo e atual círculo vicioso, que há tempos corrói nossa democracia. Juntos e conscientes elegeremos representantes reais de nossa sociedade e que estejam à altura de um futuro melhor para nosso país.

Este é um projeto de iniciativa da Operação Política Supervisionada (OPS), organização civil sem fins econômicos ou lucrativos, sem conotação político-partidária, que tem como finalidade promover a união de eleitores para a real renovação política, por meio da informação e do voto consciente para as eleições gerais de 2018.

É sabido que nenhum dos candidatos dirá em público que respondem a processos judiciais ou que se envolveram em escândalos de corrupção e por isso é que o Projeto Novo Eleitor apresenta aqui algumas informações que serão úteis ao eleitor na hora de escolher os seus candidatos.

⊕  Reputação não ilibada

Não se deve votar em quem responde a processos judiciais, mesmo que ainda não sejam réus. É claro que há um grande número de processos que acabam sendo arquivados sem que tenha havido condenação. É a máxima da Justiça que diz que ninguém é culpado até que se prove o contrário.

Mas é importante considerar que uma pessoa que responde processos em tribunais, independentemente do crime que esteja lhe sendo imputado, pode ser culpado. Portanto, por uma questão de precaução e para não correr o risco de dar a estes a regalia do foro privilegiado, não vote em quem tenha qualquer conta a acertar com a Justiça.

Vale lembrar que seis de cada dez senadores respondem a acusações criminais no STF e há mais de 400 inquéritos e ações penais abertos contra deputados federais. Você está satisfeito com a formação do atual Congresso Nacional?

⊕  Mais do mesmo

Não se deve votar em quem esteja tentando reeleição pela terceira vez. A figura do “político profissional” apenas reforça a necessidade de uma mudança imediata no quadro político nacional. A política que temos hoje é o reflexo da mesmice praticada nas urnas, onde políticos se alternam em cargos eletivos por total falta de curiosidade, por parte do eleitor, de conhecer os candidatos que ainda não conseguiram mostrar o que se propõem fazer.

⊕  Candidatos Estepes

Não se deve votar em quem é indicado por algum político impedido de disputar as eleições (ficha-suja). É comum vermos um parente ou amigo de algum político que não mais pode concorrer às eleições sendo apresentado por ele para “continuar o seu trabalho na política”.

Essa “oligarquia política” apenas contribui para que um pequeno grupo de pessoas predominem no cenário político de um município ou estado.

Há pelo menos 319 deputados (62%) e 59 senadores (73%) que têm laços de sangue com outros políticos. Há parlamentares com sobrenomes associados nacionalmente à política, como Maia, Calheiros, Cunha Lima, Caiado, Barbalho e Magalhães, outros de influência regional e aqueles que inauguraram essa tradição. Os números são tão expressivos que fazem o Brasil superar nesse quesito a Índia e sua conhecida sociedade de castas.

Não se deve votar em candidatos que prometem mais do que podem cumprir. Ainda não existe uma punição para candidatos que prometem “mundos e fundos” e quando se elegem, pouco ou nada fazem.

Para evitar que mentirosos roubem votos de quem tem o equilíbrio e o discernimento para compor sua plataforma eleitoral, devemos procurar conhecer seu alinhamento ideológico e suas propostas, e assim fazer uma opção consciente, avaliando o preparo do candidato diante dos reais problemas que devem ser enfrentados, e do detalhamento e exequibilidade dos seus projetos.

Anúncios

2 comentários em “Manifesto do Novo Eleitor”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s